domingo, 2 de agosto de 2009

O inìcio

Eu queria estudar na Italia, então escolhi um master em comunicação e sociologia. Mas chegando em Milão a universidade me avisou que o curso não havia tido quorum e não seria realizado este ano. Eu, que queria uma base sólida e bastante teórica para quando voltasse ao Brasil poder, quem sabe, lecionar em alguma universidade e largar a minha vidinha mal remunerada (embora muito amada) de jornalista em BH, acabei caindo de para-quedas em um master em comunicação, moda, turismo e entretenimento.

Eu, que nunca me interessei por moda, que acreditava que pessoas inteligentes não perdem o seu precioso tempo com esse tipo de futilidade, que mulheres de conteúdo não precisam se importar tanto com a "casca", acabei durante o curso, descobrindo outras maneiras menos preconceituosas de analisar e compreender a moda. E, para minha surpresa, a adorada sociologia se encaixou muito bem nesse contexto. Afinal, do que mais a moda pode estar impregnada senão de comportamento humano em sociedade?

A primeira surpresa foi, ao andar pelas ruas de Milão, perceber à minha volta pessoas tão estilosas. Não no sentido de seguir tendencias e lançamentos de marcas famosas, mas no sentido de usar a criatividade em acessórios, cores e formas. A capital mundial da moda está cheia de tribos das mais diversas partes do mundo (60% da população da cidade é composta por estrangeiros), com mil cortes de cabelo, estilos e comportamentos diferentes.

Após essa primeira percepção, descobri que a moda tem muito espaço nas mídias e é tratada como assunto sério. Mesmo porque, particularmente em Milão, ela contribui de forma essencial para o turismo de negócios, geração de emprego e renda e integração social.

O blog vai servir para registrar as descobertas deste novo mundo pra mim: as desconstruções de pre conceitos e lugares comuns, os conceitos que tenho aprendido nas aulas, as vitrines que tenho visto, as liquidações que tenho encontrado, os livros que tenho lido. Enfim, tudo aquilo que tenho vivido desde a moda resolveu entrar de vez em minha vida!

7 comentários:

  1. Ahhh que gracinha!! Minha amiga ai virar realmente Cris Guerreira... kkk... Te dou todo apoio... e tudo que vc aprender sobre moda, por favor me ensine!! hauhauahauha... Tira foto do povo barango na rua e bota aki pra gente ver!! =) aiai... saudades enormes... qria ta ai pra ver tb essas liquidações... ahuahauh bjaummm

    ResponderExcluir
  2. Crisssssss
    Adorei o nome do blog, adorei a imagem, adoooro a Audrey e fiquei louquissima para ver quais serão os proximos posts. Bjus bjus bjus

    ResponderExcluir
  3. Oi Cris, achei seu blog no twitter :D Tava la vendo os posts dos meus amigos e vi o link do blog la.

    A primeira coisa que notei quando vim para cà foi a forma como os italianos (mesmo os homens) usam e abusam dos acessòrios. E os cortes de cabelo entao? Menininhas e menininhos de 15 anos vao pra escola como se fosse para uma discoteca. Nada de gente mal arrumada.

    Virei sua seguidora. Também tenho um blog onde falo um pouquinho das cidades que visitei.

    ResponderExcluir
  4. Que ótima a sua história de vida. Obrigada pela visita e seja sempre bem-vinda.
    bjks. Mel

    ResponderExcluir
  5. Cris, poxa q legal. Vc acabou em outro mestrado. Eu passei por uma situaçao parecida e ouvi um discurso do Steve jobs numa formatura, sobre "ligar os pontos", e achei muito construtivo. Depois escuta la, se te interessar:
    http://mamaesnaitalia.blogspot.com/2009/09/faca-o-que-voce-ama.html
    bjo

    ResponderExcluir
  6. Gente, que máximo! Adorei! Minha amiga de tantas aventuras desde os 6 anos de idade está em Milão, arrasando! Adorei o blog! Vou me atualizar sempre nas suas aventuras! Beijos!!!! Leilinha

    ResponderExcluir